Buscar

20 usuários morrem por "cocaína envenenada" na Argentina


Divulgação/Secretaria de Saúde de Buenos Aires

Por si só, a cocaína é um veneno. Mas a sua adulteração potencializa os malefícios. É o que pode ter corrido em Buenos Aires, na Argentina. De acordo com agências internacionais, o consumo de cocaína adulterada deixou pelo menos 20 mortos na capital. Outras 40 pessoas que também consumiram a substância estão internadas.

O Ministério da Saúde do país indicou que alguns usuários apresentaram “sinais de choque, depressão sensorial, dificuldade respiratória e excitação psicomotora” nos últimos dias.

“Pessoas que tenham consumido cocaína e apresentem algum sintoma (como falta de ar, respiração lenta, convulsões, diminuição da consciência, excitação psicomotora ou alterações na sensibilidade devem consultar imediatamente uma emergência” alertam as autoridades.

As investigações iniciais indicam que alguns lotes podem ter sido contaminados com veneno de rato, possivelmente num conflito entre facções criminosas rivais.

1/4