Buscar

Agricultor encontra tesouro arqueológico na Faixa de Gaza


Nesta semana, foi revelado que na última primavera do hemisfério norte o trabalho de um agricultor da Faixa de Gaza, no Oriente Médio, foi além do trabalho de lavoura. Enquanto plantava uma oliveira, o produtor rural encontrou um tesouro arqueológico: mosaicos de azulejos da era bizantina.


De acordo com a rede Rádio e Televisão de Portugal (RTP), o agricultor palestino percebeu algo de diferente ao manusear a pá que até então estava servindo para escavar a terra para o plantio de oliveira. Junto do filho, o produtor foi descobrindo mais material com séculos de história. Ao todo, segundo as informações da imprensa internacional, são mosaicos com imagens de monstros e pássaros.


Arqueólogo da Escola Bíblica e Arqueológica Francesa de Jerusalém, em Israel, René Elter afirmou que o tesouro arqueológico descoberto pelo agricultor palestino está em bom estado e que deve datar entre os séculos V, VI e VII — sendo, conforme garantiu, necessárias mais escavações para determinar a origem exata dos mosaicos.


Elter destacou, ainda, a qualidade do conteúdo encontrado no Oriente Médio. “Estes são os mosaicos mais bonitos alguma vez descobertos na Faixa de Gaza, tanto em termos de qualidade gráfica como na complexidade da geometria”, disse o arqueólogo ao site da RTP. “Nunca mosaicos com esta qualidade, precisão gráfica e riqueza de cores foram descobertos em Gaza”.

1/7