Buscar

Corrupção: denúncias atingem presidentes de esquerda do Peru e do México


Dois presidentes viraram centro de denúncias de corrupção em países comandados por governos esquerdistas.


Há indícios da existência de uma organização criminosa com a finalidade de se apropriar, controlar e direcionar processos de contratações para obter lucros ilícitos junto ao governo.


A denúncia apresentada contra o presidente Pedro Castillo vem da procuradora geral, Patricia Benavides. São, ao todo, sete casos de corrupção sendo investigados. A última denúncia envolve dois ex-ministros, um dos quais o dos Transportes, que está foragido.


Já o presidente do México, Andrés Manuel Leopez Obrador protagoniza o livro “O Rei do Dinheiro Vivo”, assinado pela jornalista Elena Chávez González (capa abaixo).

O detalhe é que ela foi casada por 18 anos com um dos integrantes do círculo íntimo do presidente mexicano e diz ter como comprovar "como os operadores do presidente conseguiram durante muito tempo bilhões de pesos para obedecer ao chefe e, de passagem, também enfiaram a mão".




1/7