Buscar

Domingo tenso em União da Vitória registra agressões entre conviventes



Ontem (30), às 16h45min, no Bairro São Sebastião, um homem relatou aos policiais que ao deixar seu filho menor de idade na casa de sua ex-esposa foi agredido com um soco pelo atual convivente da mulher. O agressor ainda o proibiu de deixar a criança na porta da casa.

Mais tarde, às 18h no Bairro Sagrada Família, a equipe PM foi novamente acionada para verificar uma situação de ameaça. No local o solicitante relatou que alugou uma residência e que quando chegava em casa com sua esposa foi informado pelo locador de que estava com seu avô e iriam arrombar o local. Quando da sua chegada encontrou a porta aberta e três masculinos no seu interior. Quando a sua esposa foi acionar a polícia, acabou sendo puxada pelo braço pelo locador, na tentativa de retirar o celular de suas mãos. A solicitante relatou ainda que foram ameaçados de morte pelo locador. Das agressões resultaram escoriações. Às 21h30, desta vez no Bairro Horst Waldraff, a PM foi acionada para verificar outra situação de lesão corporal. No local a vítima relatou que teve uma discussão com seu esposo e que este lhe ameaçou e se evadiu tomando rumo ignorado. Mais tarde houve nova situação de ameaça do homem contra a vítima, pois o masculino retornou à residência. Desta vez ele foi localizado, recebeu voz de abordagem e constatado que havia um mandado de prisão em seu desfavor.

Não houve interesse na representação por parte da mulher, porém o masculino foi conduzido à delegacia para as providências cabíveis referente ao mandado de prisão.

(Foto: reprodução PMPR)

1/7