Buscar

Erva-mate do Paraná será atração de feira internacional de alimentos no Canadá


Os municípios com maior VBP são, respectivamente, Cruz Machado, São Mateus do Sul, Bituruna, Prudentópolis e General Carneiro


A erva-mate produzida no Paraná será apresentada em Montreal, no Canadá, nos dias 20 e 23 de abril, durante a Sial Inspire Food Business (Sial Canadá), maior feira internacional de alimentos e bebidas do país. A divulgação do produto ao mercado internacional é uma ação do Programa Vocações Regionais Sustentáveis (VRS), do Governo do Estado, desenvolvido pela Invest Paraná, vinculada à Secretaria do Desenvolvimento Sustentável e do Turismo.


A erva-mate terá um estande no pavilhão brasileiro da feira, que conta com mais de 1.200 expositores e recebe cerca de 25 mil compradores do Canadá, Estados Unidos e de 60 outros países.


Na quarta-feira (09), a Câmara Comércio Brasil-Canadá (CCBC) se reuniu para preparar a missão internacional, com representantes da Invest Paraná, Secretaria da Agricultura e do Abastecimento, Universidade Estadual do Centro-Oeste (Unicentro), IDR-PR, e dos produtores locais da erva-mate, no Sul do Estado.


O VRS identifica produtos do Paraná com potencial de abertura de mercado. Além da erva-mate, o programa atua no Litoral do Estado, com produtores de Morretes, Antonina e Guaraqueçaba. O objetivo é promover produtos típicos do Paraná no mercado externo, gerando mais valor agregado e renda aos produtores locais.


Após a feira, os integrantes da Câmara de Comércio Brasil-Canadá realizarão visitas técnicas e reuniões em Toronto, até o dia 26 de abril. Para o presidente do Conselho Gestor da Erva Mate do Vale do Iguaçu (Cogemate), Nei Antônio Kukla, é importante o Governo do Estado, através de uma agência de fomento, levar empresários e empreendedores do Paraná em missões como essa no Canadá.


As indústrias buscam o desenvolvimento de itens para além do chimarrão e tererê, nas áreas de cosméticos e alimentos, com foco na geração de emprego e renda. A erva-mate produzida no Paraná somou aproximadamente 638 mil toneladas em 2020, conforme dados do IDR-PR, um crescimento de 17% com relação a 2019.


Já o Valor Bruto da Produção Agropecuária (VBP) foi de R$ 753 milhões em 2021, segundo dados do Deral. Os municípios com maior VBP são, respectivamente, Cruz Machado, São Mateus do Sul, Bituruna, Prudentópolis e General Carneiro. Foto: José Fernando Ogura.


1/4