top of page
Buscar

Fórum Negev se reúne em Abu Dhabi em meio à tensão em Jerusalém



Altos funcionários dos EUA, Israel, Emirados Árabes Unidos, Egito, Bahrein e Marrocos se reuniram em Abu Dhabi na segunda-feira, mais de dois anos após a assinatura dos Acordos de Abraham.


A assinatura de 2020 abriu caminho para os Emirados Árabes Unidos, Bahrein, Marrocos e Sudão estabelecerem laços com Israel - juntando-se ao Egito e à Jordânia como estados árabes que formalizaram laços. A Jordânia, que formalizou relações diplomáticas com Israel em 1994, não está enviando delegação a Abu Dhabi para participar das reuniões do Fórum do Negev.


Os outros seis países se reunirão após um aumento nas tensões em Jerusalém após uma visita controversa do novo ministro da segurança nacional de Israel, Itamar Ben-Gvir, ao complexo da mesquita de Al Aqsa.


Sua visita gerou condenação internacional, inclusive dos EUA, um aliado de longa data de Israel. "Conversamos sobre a continuação das atividades do Fórum Negev que se reúne em Abu Dhabi e sobre as formas de aprofundar nosso relacionamento próximo para o benefício de ambos os países, povos e estabilidade regional”, tuitou Lapid.


A delegação dos EUA incluirá o conselheiro de política externa Derek Chollet, a oficial sênior de diplomacia pública e assuntos públicos Liz Allen e o especialista em controle de armas Mallory Stewart.


O líder da oposição israelense Yair Lapid discutiu o aprofundamento das relações entre Israel e os Emirados Árabes Unidos com Sheikh Abdullah bin Zayed, Ministro de Relações Exteriores e Cooperação Internacional, no domingo.

1/9
bottom of page