top of page
Buscar

Governo de SC permitirá que policiais civis aposentados possam manter a arma funcional



O governador Jorginho Mello e a vice-governadora Marilisa Boehm estiveram nesta terça-feira, 24, na delegacia-geral da Polícia Civil de Santa Catarina para um ato de posse simbólica do novo delegado-geral, Ulisses Gabriel. Na mesma visita, já foi assinada uma ação para melhorar a segurança dos policiais quando se aposentam.


A iniciativa permite que os policiais, ao encerrar suas carreiras, possam, para sua proteção e de sua família, ficar com a arma funcional que a Polícia Civil fornece para sua atuação a serviço da segurança pública catarinense.


“Quando ele sai da Polícia, a Polícia não sai dele. Todos nós precisamos fazer esforços para que a Policia seja sempre cada vez mais forte”, lembrou o governador Jorginho Mello dobre o risco que os profissionais correm pela sua atuação contra a criminalidade.

“São armas mais antigas, mas em boas condições para proteger nossos policiais aposentados”, explicou o delegado-geral.




O governador e a vice-governadora, que é delegada, conheceram também no Complexo da Segurança Pública de SC a sala da Polícia Civil que reúne todos os dados dos crimes em investigacao e os já solucionados pelos policiais.


“A Polícia Civil é referência nacional na resolução de crimes”, disse Ulisses Gabriel no local, mostrando que o trabalho da instituição tem um índice de resolução de 100% dos feminicídios ocorridos nos Estado.

Foi a primeira vez que Marilisa, delegada de polícia de profissão, esteve no prédio da nova delegacia-geral da PC. Ela gostou do que viu, mas fez um lembrete para os colegas delegados: “A pessoa quer chegar em uma delegacia e poder dividir a dor com um policial. Vamos informatizar mas vamos humanizar também”.

1/9
bottom of page