Buscar

IMA realiza operação de fiscalização de transporte de produtos perigosos


Foto: Ascom/IMA


O Instituto do Meio Ambiente (IMA) realizou em conjunto com outros órgãos, a primeira operação preventiva de 2022 para fiscalizar o transporte de produtos perigosos no estado. Nesta ação, foram abordados mais de 30 veículos no município de Campo Alegre (SC).


Anualmente, são realizadas cerca de 50 operações preventivas nas rodovias estaduais e federais do estado. Em 2021, o Instituto abordou mais de 2.000 veículos. Deste total, 1.492 transportavam produtos perigosos e 56 foram notificados/autuados por irregularidades ambientais.


O Transporte de Produtos Perigosos e Resíduos é uma das cinco atividades contempladas pela Licença Ambiental por Compromisso (LAC), modalidade de licenciamento digital e autodeclaratória que traz mais agilidade aos empreendedores. Vale destacar que além do transporte de produtos perigosos e resíduos, a LAC beneficia também as atividades da avicultura, do setor de Antenas de Telecomunicações, Queima Controlada e algumas modalidades de Manejo de Fauna.


Antes de se movimentarem pelo Estado transportando insumos como líquidos inflamáveis, gases, substâncias corrosivas, entre outros produtos, esses veículos precisam passar pelo licenciamento ambiental. Atualmente, mais de 17 mil veículos estão licenciados no IMA.


“É por meio das fiscalizações que o IMA tem condições de apurar a veracidade das informações prestadas no licenciamento, pode identificar quais as rodovias com maior movimentação de cargas e as rotas críticas para determinados tipos de produtos, como inflamáveis, explosivos, infectantes ou radioativos”, explica o diretor de Engenharia e Qualidade Ambiental, Fábio Castagna da Silva.

1/7