Buscar

Jaeger assume presidência do Instituto SIM e traça metas importantes para o biênio 2022/2023

Entre os projetos a serem alcançados, está a conclusão da reforma da sede de Porto União já para o primeiro semestre deste ano além da expansão dos produtos

Heleny Thomas, Caroline Souza, Peterson Jaeger e Leonardo Tereske logo após assembleia geral

O Instituto Sempre Incentivando Música (SIM) realizou na tarde deste sábado (2), na sede da 1ª Igreja Batista de União da Vitória, Assembleia Geral para a eleição de nova diretoria. Não foi uma “sucessão” sem planejamento.

Era algo programado desde que, em maio de 2021, assumiu uma diretoria provisória presidida pelo professor Celso Marczal. Diretoria que teve um papel fundamental: possibilitar que o SIM saísse da fase pandêmica (covid-19) com capacidade de seguir num projeto cada vez mais imponente. E isso ocorreu com muita eficiência, prova são os projetos de manutenção em curso.

“Estarei à disposição, dentro das possibilidades e ajudarei com o pouco que aprendi sobre burocracia, sites e sistemas” explicou Celso em mais uma de suas contribuições.

O coordenador e maestro Marcelo Storck enfatizou a importância: “Cada pessoa que passa sempre deixa sua contribuição. E o Celso passou pela presidência num dos momentos mais desafiadores deste projeto. E, juntos, vencemos, só restando agradecimentos por sua contribuição bem como dos demais diretores que com ele estiveram”, disse Storck. Já a diretoria que tomou posse é presidida pelo professor – e músico - Peterson Jaeger e está assim complementada para o próximo biênio:

Vice-presidente: Daniel Fabio Alves de Carvalho Primeira Secretária: Caroline Moyses de Souza Segundo Secretário: Alexandre Martinuv Prieto Primeira tesoureira: Heleny Thomas Segundo tesoureiro: Ezequiel Carlos Prieto


O Conselho fiscal ficou assim constituído: Alisson Micoski, Oseimar Schroh, Paulo Buogo e Anderson Fabrício Pereira Metas Tão logo assumiu, o trabalho teve início formal entre a diretoria e a coordenação. Peterson passou a gerenciar ações que já tinha em mente e que visam continuar o processo de recuperação da entidade. Isso inclui um novo site, a expansão de produtos e a conclusão da reforma da sede de Porto União (Armazém II da estação).

Tanto que houve imediata reunião com Leonardo Tereske, que foi o responsável pela pintura do Armazém I (Artesanato) já reformado e reaberto. “Gostamos do resultado que está em acordo com os preceitos do restauro. Além do quê, a experiência do Leonardo favorece à equalização dos aspectos arquitetônicos dos módulos do complexo histórico da Estação”, observou Storck.

A intenção é buscar a conclusão neste primeiro semestre. “Vamos organizar nossos investimentos, buscar parcerias e contamos também com a arrecadação de eventos para essa finalização”, destacou Jaeger.

Além disso, para outras realizações, o Instituto SIM segue contando com os apoios da prefeitura de União da Vitória e da câmara de vereadores de União da Vitória, da 1ª Igreja Batista de União da Vitória, e de seus patrocinadores: Jeep Auto Premier, WDD Motos, Butiquim Gastrobar, Softniel´s e CCN Veículos. Música E como a banda não pode parar, tão logo encerrada a reunião, houve ensaio da banda que retomou o coletivo esta semana com vistas ao programa de 2022.

“Teremos um produto diferenciado já neste primeiro semestre com a realização de nosso primeiro Recital”, destacou o maestro.

Também agora, sob os olhares da nova direção, 38 alunos novos da rede pública municipal de União da Vitória, inscritos na primeira fase do projeto Primeira Audição, passam a estudar e conhecer o mundo da música instrumental.




1/7