Buscar

Mascote Pantera visita, a convite, escolas locais e anuncia o Iguaçu na Taça Planalto



Que a paixão do torcedor pelo Iguaçu é imensa e começa desde cedo, todos sabemos. Tão é verdade que no retorno das férias de julho, a Pantera, mascote do time de União da Vitória (PR) foi convidada pelo Colégio Santos Anjos (Porto União) para animar o dia do reencontro das crianças, quando todas alunos puderam ir vestidos com as camisas de seus times de futebol. Mais de 50% dos alunos do CSA estavam com a camisa do Iguaçu.


A ação foi repetida em visita esta semana na escolas Antonieta Montanari e Astolpho Macedo de Souza em que, junto da alegria, a Pantera levou um aviso: o Iguaçu vem aí, entra em campo na Taça Planalto 2022.


Iguaçu no amador catarinense?

A competição esportiva do futebol amador é um dos eventos mais tradicionais do futebol na região. Devido à ausência de calendário oficial no lado paranaense para os times da Divisão de Acesso neste segundo semestre, o Iguaçu conseguiu com a Federação Paranaense de Futebol (FPF) a autorização para ingressar na Taça Planalto, organizada pela Liga de Canoinhas (SC).

Mais que um time paranaense (mas nascido em Porto União) numa competição barriga verde, pode pintar aí um clássico regional, haja vista que o time irmão, o Porto FC também deve disputar o campeonato que tem início previsto para o final deste mês. Além dos dois times das Gêmeas do Iguaçu, estarão presentes: Grêmio Esportivo Vila Nova Rio Negrinho, Sociedade Esportiva Lagoa, Danone de São Mateus do Sul, MEC Distrito de Moema Itaiópolis, Pedra Branca Irineopólis, Ouro Verde Canoinhas, Água Verde Canoinhas, União Três Barras, Lagoa da Cruz Antônio Olinto (PR), DME Major Vieira, Água Azul PR, Coeio FC Mafra, União Europeia e Lapa PR.


Os jovens Anthony Bakri e Tibaji com o experiente Tosta: receita do Iguaçu para a Taça Planalto (Foto Rafael Buchholz | Iguaçu)

A equipe do Iguaçu já está saindo do papel. Sob o comando de Bruno Ferreira, também treinador da escolinha do Iguaçu, a Pantera do Vale deve mesclar experiência com juventude da base.

Até o gerente de futebol, xerifão de zaga, Luís Tosta, deve tomar parte do time que tem por objetivo movimentar as categorias Sub 20 Sub 23 e, também, identificar jogadores regionais com possibilidade de estar no Iguaçu na segundona de 2023.

O Iguaçu também tem jogadores do Sub20, emprestados para jogar a terceira divisão paranaense. São eles os zagueiros Shepa e Vinicius, o volante Rodrigo e os atacantes Derick e Gabriel Macuco.


O arbitral da Taça Planalto está previsto para a semana que vem. E para o segundo semestre, a previsão é de que o Iguaçuzão “já está entrando em campo”...

1/7