Buscar

Mulher russa é multada em R$ 1,4 mil por usar chapéu azul e amarelo



Uma cidadã russa, moradora de Moscou, foi multada em 30 mil rublos (cerca de R$ 1,4 mil) após ser pega usando um chapéu amarelo e azul e um coração nas cores da bandeira da Ucrânia. A denúncia foi feita na quinta-feira (17) pelo projeto de assistência jurídica Setevye Svobody, em seu canal no Telegram. As informações são do jornal independente The Moscow Times.


Segundo o processo movido pela Justiça russa, a acusada “expôs peças de vestuário e um distintivo pintado com as cores da bandeira da República da Ucrânia em local público, expressando uma atitude claramente negativa em relação às Forças Armadas da Federação Russa e atraindo a atenção da mídia e dos blogueiros”.


A Rússia tem uma legislação severa para o controle das manifestações, que costumam culminar em intensa ação policial. Os detidos têm que pagar multas que vão de dois mil (cerca de R$ 88) a 300 mil rublos (R$ 13,3 mil) e prisão por até 30 dias.


Após a entrada em vigor de uma decisão judicial sobre infrações ao Código de Contraordenações, que regulamenta as ações públicas destinadas a quem “desacredita o uso das Forças Armadas”, se uma pessoa violar novamente o artigo do Código de Ofensas Administrativas no período de um ano, um processo criminal pode ser iniciado.

1/6