Buscar

Ucrânia: mais de 300 mortes entre civis incluem crianças



A tensão entre Rússia, Ucrânia e potências ocidentais prossegue com combates travados na capital ucraniana Kiev, desde que o presidente russo Vladimir Putin autorizou uma operação militar de invasão na quinta-feira (24).

Ataques aéreos em todo o país e ainda a entrada de forças terrestres em território ucraniano resultaram, até esse momento, segundo o governo ucraniano, em 326 mortes entre civis, inclusive crianças. Na madrugada de segunda-feira (28), explosões foram ouvidas em Kiev, capital da Ucrânia, e Kharkiv, segunda maior cidade do país, possivelmente provocadas pelas tropas da Rússia.

Segundo o Serviço Estatal de Comunicações Especiais e Proteção de Informações da Ucrânia, um prédio residencial em Chernigov, município a cerca de 144 quilômetros de Kiev, estava em chamas após ser atingido por um míssil russo. Segundo o jornal ucraniano The Kyiv Independent, uma mulher ficou ferida devido ao incêndio no prédio provocado pelo míssil. As chamas foram controladas e não há relatos de mortes.

1/4