Buscar

Vizinhos envolvidos em pancadarias na segunda-feira de Carnaval: teve até vassouradas


Às 6h de ontem, no bairro São Gabriel, em União da Vitória, um frequentador de uma boate apanhou no local de diversão. Segundo seu relato à polícia, que precisou ser chamada, ele foi à boate na companhia de um vizinho.

Em dado momento, por razão não revelada, outros frequentadores do local acabaram-no agredindo fisicamente. O homem saiu correndo até um posto de combustíveis próximo da região de boates de onde acionou a PM. Os policiais percorreram as imediações, mas não encontraram os suspeitos.


Doze horas se passaram até que outra situação entre vizinhos fosse motivo para deslocamento de equipe policial. O 27º BPM atendeu outra ocorrência de lesão corporal. Desta vez, duas mulheres que não estavam se divertindo com a situação, muito pelo contrário.

No local, também no bairro São Gabriel, uma das envolvidas relatou aos policiais que foi surpreendida ao cobrar sua vizinha devido a um desacordo comercial. A situação foi em frente à sua residência onde ela acabou sendo agredida nos punhos e nos braços com arranhões. A mulher informou que também foi agredida nas costas, na nuca e na cabeça com "vassouradas". Diante o relato as partes foram encaminhadas ao 27º batalhão para confecção do termo circunstanciado.

1/6